Mergulhando com tubarões na África do Sul

Mergulho com tubarão branco na África do Sul

 

Já pensou mergulhar com um animal de mais de 4 metros e conhecido por ataques a humanos como o tubarão?

DCIM100GOPROG0442724.

Exato:  esse animal lindo da foto s2

O passeio com tubarão branco é, sem dúvidas, uma das principais atrações da África do Sul. Mesmo assim, não era algo que eu tivesse vontade de fazer, na verdade, nem tinha pensado sobre, massss, quando surgiu a idéia, aceitei na hora e sem pensar muito no assunto.   Deixei para descobrir tudo na hora, apesar da ideia ser bem assustadora, a confiança da equipe acaba te deixando tranquila.

Para começar, escolhemos uma empresa que tinha ótimos reviews: Greate white Shark Tours.  Depois de reservarmos o passeio, nos preparamos para acordar cedo no dia do mergulho: o local de onde saem os barcos – Gansbaai , considerada a capital mundial do Tubarão Branco-  fica a 160 km de Cape Town e tínhamos que estar lá às 9h. Primeiro, eles servem um café da manhã que dura cerca de uma hora. No café, eles vão chamando as pessoas pelo nome e confirmando o pagamento, depois passam um vídeo e explicam direitinho como vai funcionar o mergulho. O café da manhã é uma delícia, mas sugiro não comer muito porque no barco dá MUITO enjoo. Praticamente todas as pessoas do nosso barco vomitaram, além dele não parar um minuto, o cheiro da comida que eles usam para atrair o tubarão é muito forte – eles colocam vários peixes mortos em um tonel grande com água e ficam mexendo  . Eu passei mal duas vezes: antes e depois de sair da água.

Mas enfim, vamos ao que interessa. Já no barco, você vai colocar a roupa de borracha e um cinto de pedra pesado que te puxa para baixo (já que a jaula tem bóias que a puxam para cima.). A jaula vai ter vários ferros, entre eles um para você segurar com as mão e outro para apoiar os pés. Bem na frente do seu rosto , vai ter um buraco marcado de amarelo onde você deve inclinar a cabeça para frente para ver o tubarão.  A idéia é que você segure o ferro em cima com a mão, apoie os pés em outro ferro e olhe para frente. Na maioria do tempo você fica para for a da água, você só desce quando alguém do barco avisa que o tubarão está se aproximando. Não são todas as vezes que a isca é jogada que os tubarões vem, mas como quem está no barco consegue ter uma visualização melhor se ele está vindo ou não, eles avisam quando ele está se aproximando.

DCIM100GOPROG0442711.

Grades vermelhas são onde você deve colocar a mão e o pé (como sou pequena, não rolou)

DCIM100GOPROG0442595.

Vista de fora d’água, onde você fica esperando o ok para mergulhar quando o tubarão se aproxima

DCIM100GOPROG0442725.

É nesse quadrado amarelo que você vai ver o tubarão. Por segurança, você não deve colocar a cabeça ou mãos além desse limite 😉 

Algumas vezes o tubarão chegou muito perto da jaula tentando pegar a isca e tenho minhas dúvidas que caso você estivesse com a cabeça para frente não poderia acontecer um acidente. Mas, de acordo com as empresas, nunca aconteceu nada disso e o passeio é 99% seguro, o que não dá para fazer de jeito nenhum é colocar uma parte do corpo para fora da jaula, por exemplo, tentando tirar uma foto.

Apesar da ideia ser aterorizante, juro que não fiquei com medo. Fomos já no primeiro grupo mergulhar e como falei, nem pensei muito sobre o assunto. Acho que você está tão ansioso par aver o tubarão de perto que você fica torcendo para ele aparecer e quando ele aparece é tão rápido e a adrenalina tão grande que você fica louco para ele voltar logo. O tempo que você fica na jaula é bem distribuído, então você consegue ver algumas vezes o tubarão. É um passeio bem diferente, que eu recomendo . Depois que todo mundo mergulha, o barco volta e tem um almoço quentinho ( se já tiver passado o seu enjoo haha) esperando.

Bom mergulho!

DCIM100GOPROG0512894.

Vista da jaula por fora 

 

Serviço

Empresa: Great White Shark Tours 

$ : cerca de AUD 115,00 ou R$ 300,00

Curiosidade: O tubarão branco  pode chegar aos 7,51 metros  e pesar até 2,5 toneladas.

 

Anúncios

Sobre anandadelevati

Ananda Unmani Delevati, jornalista, viajante, escorpiana, vegetariana, intensa. Acredito que a gente está no mundo para viver e compartilhar coisas boas e tentar ser nossa melhor versão, sempre. Pelo caminho aprendi que não há muita explicação lógica para a vida e só nos resta viver, aproveitar cada momento com liberdade e consciência e espalhar amor por aí <3 Atualmente vivo em Byron Bay, Australia, e trabalho com intercâmbio desse lado do mundo :) Tenho interesse por viagens, espiritualidade, gastronomia, vida saudável, filmes, livros, boas convertas e por escrever. Compartilho um pouco de tudo isso por aqui! Dicas, sugestões e feedbaks são muito bem vindos. Contato: anandadelevati@gmail.com
Esse post foi publicado em Africa do Sul, Uncategorized e marcado , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s